PRIMEIRA FAMÍLIA MARRAFA

História do Nome e Família

Apesar da origem exacta do nome da família italiana Marraffa não ser claro, a pesquisa sugere que poderá ser classificado como sendo de origem ocupacional. Pode-se dizer que os mais antigos e interessantes sobrenomes são aqueles que derivam da ocupação (trabalho) do titular original.

Os nomes derivados das ocupações têm originado o que alguns apelidam como um inventário dos ofícios existentes na Europa medieval.

No que diz respeito ao apelido Marraffa, a sua origem parece derivar do termo “marra” que significa “enxada” e que por sua vez deriva do latim “marra”. Podemos assim imaginar que o titular original do sobrenome era alguém que usava a enxada no seu trabalho do dia-a-dia.

Variantes do apelido Marraffa inclui Marraffi. Uma das mais antigas referências a este sobrenome ou à sua variante é o registo do nascimento de Antonio Marraffi, filho de Jacopo Marraffi, registado em Fiesole (Florença) a 28 de Janeiro de 1556. O casamento de Giacobbe Marraffi e Antonia Bichi celebrado igualmente em Florença a 27 de Maio de 1629. Referências ao nome Marraffa inclui o registo do nascimento de Anna Marraffa, filha de Giuseppe Marraffa e Lucrezia Biasi, que teve lugar em Monopoli (Bari) em 1813. Pietro Marraffa e Orsola Maria Luigia Franzone casaram-se em Castel Morrone (Caserta) mencionam o casamento de Commaso Marraffa e Maddalena Caramia, celebrado a 21 de Novembro de 1920.